Capa da notícia
Jovem Aprendiz

Em 30 anos Senac GO já formou mais de 50 mil jovens aprendizes

Programa de Aprendizagem é gratuito e visa dar oportunidade de trabalho a jovens de 14 a 24 anos matriculados na escola

Você sabia que os jovens de 14 a 24 anos podem entrar no mercado de trabalho com experiência profissional e sendo remunerados por isso? Como? Através do Programa Nacional de Aprendizagem, um programa criado pelo Governo Federal, 100% gratuito, que por meio de empresas parceiras, como o Senac Goiás, capacita os jovens para o mercado de trabalho. Em 30 anos de parceria com o Programa, o Senac Goiás já formou mais de 50 mil jovens aprendizes. 

Para quem é?

O Programa de Aprendizagem é voltado a todos os jovens de 14 a 24 anos incompletos que estejam matriculados na rede regular de ensino. Caso o jovem tenha algum tipo de deficiência, não há limite de idade. 

Através do Programa o Jovem Aprendiz ele recebe qualificação e, o mais importante, é contratado pelas empresas com carteira de trabalho assinada e com todos os direitos trabalhistas assegurados. 

“Para ele é um benefício que vai assegurar mais dignidade e oportunidade na sua vida social”, afirma Railde Hipolito, coordenadora de Aprendizagem do Senac Goiás.

Como funciona o Programa?

Talvez você não saiba, mas toda empresa com mais de sete funcionários precisa, por lei, contratar um Jovem Aprendiz. Ao fazer essa contratação, a empresa encaminha o jovem ao Senac para que ele receba a capacitação teórica adequada. Desde seu lançamento, em 1990, o Programa de Aprendizagem do Senac Goiás já formou mais de 50 mil jovens aprendizes. 

Para a empresa ser parceira do Senac basta que o empresário entre no site go.senac.br e faça o seu cadastro. Ele também pode entrar em contato pelo telefone (62) 3219-5180 ou pelas redes sociais no Facebook e Instagram

A coordenadora explica que qualquer empresa, seja ela do comércio ou não, pode fazer parceria com o Senac e encaminhar seus Aprendizes sem nenhum custo. 

O que o Jovem vai aprender?

O plano de curso varia de acordo com o ramo da atividade de cada empresa e da necessidade da mesma. 

“Vale ressaltar que alguns aprendizados são específicos de cada área e o que vai determinar o conteúdo é o plano de curso elaborado pelo Senac em parceria com a empresa, mas alguns aprendizados são comuns a todos os cursos, como comunicação oral e escrita, inclusão digital, diversidade social e cultural, direito constitucional, direito da criança e do adolescente, entre outros”, detalha Railde HIpolito.

Como se tornar um jovem aprendiz?

Para participar do programa o interessado precisa ficar de olho nas vagas para Jovens Aprendizes. “É importante destacar que o Senac não faz a contratação direta do Jovem Aprendiz, a contratação é feita pela empresa e o Senac é a instituição formadora desse Jovem”, ressalta a coordenadora do Programa. 

Cuidado com o golpe!

O Programa de Aprendizagem é 100% gratuito. Por isso é importante ficar atento. Se o Jovem ou a empresa receberem algum contato fazendo cobranças para o cadastramento de Jovens, trata-se de golpe.

“O Senac não envia e-mails, nem cobra taxa, nem faz anúncios divulgando valores para a contratação de Jovens Aprendizes”, alerta Hipolito.

Se tiver alguma dúvida, o empresário ou o jovem deve entrar em contato com o Senac via telefone ou redes sociais, ou ir à unidade mais próxima.

Confira a entrevista na íntegra:


Ver todas as notícias
Voltar para o topo
Atendimento On-line Segunda a sexta: 8h às 17h